quarta-feira, 1 de julho de 2009

Michael Jackson

Não era da minha geração, nasci em 1988, não cheguei a apreciar verdadeiramente a grandeza deste artista.

Pop não é a minha música preferida, cheguei até a detestar qualquer música que se assemelhasse às batidas características deste estilo, mas após alguns anos orgulho-me de poder dizer que, independentemente disso, os discos giram e os sons voam para o meu canal auditivo e são apreciados pelo que realmente são: música que gosto e que sem ela não teria o mesmo brilho... aquela forma de comunicação universal que toda a gente entende (perdoem-me as pessoas surdas pela generalização) e que a maioria sente.

Michael Jackson é prova disso, não pelas suas excentricidades, não pelos seus problemas, não pela sua personalidade, mas devido ao seu enorme talento, que quer queiramos quer não, mudou o mundo e, acima de tudo, mudou a música; ele era o Rei do Pop.

É curioso como depois de morto a sua música, tal fénix do deserto, renasceu, catapultando-o para a imortalidade, mantendo-o para sempre jovem, como ele tanto desejava nos jardins da sua Neverland...

É sempre bonito quando as pessoas reconhecem os feitos de alguém e lhe atribuem certa importância na sua vida. Na minha não tinha muita, é verdade, mas sinto a infelicidade daqueles que vão sentir a sua falta.

Tudo o que disse é traduzido na perfeição pela música tributo Better on the Other Side.

video


[Diddy talking]
I remember the first time I seen you moonwalk,
I believed I could do anything,
you made the world dance,
you made the music come to life

[Chris brown - Chorus]
This the type of song that make the angels cry,
i look up in the sky and i wonder why?
why you had to go, go
I know its better on the other side,
you were chosen from the start
never gon’ let you go,



[The Game]
Who’s Michael Jackson,
You’re Michael Jackson,
I’m Michael Jackson,
We all Michael Jackson,
I guess what Im asking is everybody bow their head for a legend dont breathe for a second,
now let the air out, grab the hand of somebody you care about,
so you can hear my message, my confession,
someone tell Usher, I seen the moonwalk, I guess the young thriller touched him, like he touched me, like he touched you,
so carry on his legacy, something i must do, so i trust you lighting candles, concrete visuals, me and my brothers listen to Jackson 5 in the living room,
first thing i did when i heard was call Puff,
cos him and Mike tried to stop the beef between us,
who was us? Me and Fifty, that beef is dead, him and Mike Jackson gonna take us to the ledge.



[Chorus]



As I’m pouring out this liquor candles start to flicker,
when list (?) my air ones, MJ was my nier.
Not the one that play ball, the one with the Hollywood star,
and since I’m a Hollywood star Imma tell you my story,
never had a family that close, never see Barry Gordy walking through interscope,
just like me they always had Mike in a scope,
no matter what you say,
imma love him and hes still dope,
let me take you back to 85 when i was in a zone, dancing for my momma thriller jacket with all the zippers on,
now I’m doing 90 bout to crash in this Aston,
listening to Outcast, I’m sorry Mrs Jackson
anything I can ever do to better you your son was our king so we wont Coretta you,
I’m writing this letter to all the Jackson kids, we all Jackson kids, time to let us through.



[Chorus]



[Boys II Men]
This the kind of song that make the angels cry,
look up in the sky and ask God, why o why why
Do we live and let die
This the kind of song that make the angels cry,
look up in the sky and ask God, why o why why
Do we live and let, live and let die.

Descansa em paz Michael

3 comentários:

Hugo de Oliveira disse...

O eterno Rei da Pop, sou da tua geração, mas sempre ouvi musicas dele desde pequeno!

Não era dos meus artistas preferidos, mas ouvia frequentemente músicas dele!


Agora... O eterno descanso do rei!


abraço

Xuxy disse...

O meu irmão apareceu-me pelo quarto a perguntar-me se o Michael Jackson tinha mesmo morrido... Eu achei logo que fosse aldrabice dos media. Apesar de não ser fã dele, ele é uma daquelas pessoas que não se espera que morra assim do nada.
Não fui fã mas as musicas acompanharam-me desde a minha infância e as musicas proporcionam-me varias memorias.

Apenas foi o corpo que morreu, porque a essência do Micheal é imortal

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Bonita homenagem.