quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Pensamentos Soltos


Quem nunca pensou em fugir?

Agarrar na mochila e percorrer os caminhos desse mundo, pequeno ou grande, estar entregue aos caprichos do destino e da sorte, ver paisagens maravilhosas, sentir a adrenalina ao descobrir novas vidas, novas pessoas e no fim do dia estar sentado numa pintura de beleza pura e rocambolesca, olhando um pôr-do-sol diferente a cada dia que passa.

4 comentários:

TERESA SANTOS disse...

Bruce,

Finalmente de volta!
Não me apercebi do teu regresso em Agosto.

Pega na mochila e vai. Se for possível, vai.

Nada mais entriquecedor na vida de um Homem do que conhecer novas pessoas e novas vidas.

Vai, se podes vai. E contempla o pôr do sol e sonha, Amigo, sonha.

Beijinho.

P.S Não fujas de novo.
Compreendo o porquê de hesitares no regresso ao blog. A nostalgia e a saudade estão bem patentes.

Bruce disse...

Olá Teresa!

Não podia ter melhor surpresa que ver-te aqui, com a tua tão presada presença...

De certa maneira já o fiz... não num sentido literal de pegar na mochila e partir, mas num conjunto de mudanças que operei na minha vida... achei imperativo mudar e conhecer pelo prazer de conhecer apenas.

Sem segundas intenções.

Não vou fugir está descansada e prometo visitar o teu cantinho e andar de patinho um bocadinho por lá :)

TERESA SANTOS disse...

Bruce,

Nunca tive dúvida relativamente às mudanças que operarias na tua vida.
Para mim eram óbvias, era apenas uma questão de tempo.
Fiquei muito feliz por ti, acredita!

Não foges? Vamos ver!

O patinho espera-te.

Beijinho.

Xuxy disse...

Apanhar o 1º avião/autocarro/barco que aparecesse, deixasse que o destino comandasse, ser livre e nunca saber como ou onde seria o amanhã...
Ainda é algo que gostava de fazer